Fotos de explorador alemão no Brasil são doadas ao Memorial dos Povos Indígenas – Agência Brasília

Mais Lidas

Feira do Núcleo Bandeirante será totalmente reformada – Deputado Hermeto

Feira do Núcleo Bandeirante será totalmente reformadaPublicado por Vanessa Araújo Santos em 11 de janeiro de 202111 de janeiro...

Biografia de Salvador Dalí: um louco ou um gênio?

Extravagante, provocante e polêmico. Uma das figuras mais excêntricas do mundo das artes e, sem dúvida, um gênio. Definir Salvador...

O FARO CERTEIRO | Policiamento Inteligente

Sexta-feira (8), os policiais militares do 5º BAEP (Batalhão de Ações Especiais de Polícia), durante Operação de combate ao...

imagem03-11-2019-18-11-03
imagem03-11-2019-18-11-03
Registros fizeram parte de exposição que divulgou expedição científica realizada no país entre 1903 e 1905. Foto: Arquivo/Agência Brasília

Uma parte do Brasil profundo acaba de desembarcar no Planalto Central. Isso porque o Memorial dos Povos Indígenas vai incorporar ao seu acervo fotografias de um dos grandes pioneiros da pesquisa etnográfica na Amazônia, o filólogo, etnólogo e antropólogo Theodor Koch-Grunberg (1872-1924), que contribuiu no estudo de povos indígenas da América do Sul entre o final do século 19 e início do 20.

São 80 registros doados pela Embaixada da Alemanha que fizeram parte de uma exposição que divulgou expedição científica de que participou Koch-Grunberg na região do Alto Rio Negro entre 1903 e 1905. Desta viagem, o pesquisador levou para Alemanha mais de mil registros fotográficos e quase 1.300 objetos etnográficos.

“São fotos belíssimas referentes aos modos de vida dos Terenas”, disse o subsecretário do Patrimônio Cultural da Secretaria de Cultura e Economia Criativa (Secec), Cristian Brayner, que viu parte da coleção. Explica que as fotos contêm descrição pormenorizada do que está sendo representado. A Supac tem previsão de expor as fotos no MPI em janeiro de 2020. “Isso nos ajuda a cumprir o objetivo da atual gestão de entregar o MPI revitalizado não apenas na sua estrutura física, mas, também, no seu acervo, para somar nas comemorações do aniversário da capital no ano que vem”, complementa.

AcervoNo acervo do MPI, há peças representativas de várias tribos, incluindo exemplares da coleção Darcy-Berta-Galvão, com destaque para a arte plumária dos Urubu-Kaapor; bancos de madeira dos Yawalapiti, Kuikuro e Juruna, máscaras e instrumentos musicais do Alto Xingu e Amazonas.

Atualmente está em cartaz no local uma exposição sobre arte, vida e trabalho da mulher Kayapó, além da mostra Bosque das Línguas Indígenas no Brasil.

*Com informações da Secretaria de Cultura e Economia Criativa

Fonte: agenciabrasilia.df.gov.br/2019/11/03/fotos-de-explorador-alemao-no-brasil-sao-doadas-ao-memorial-dos-povos-indigenas

- Publicidade-

Últimas Notícias

Feira do Núcleo Bandeirante será totalmente reformada – Deputado Hermeto

Feira do Núcleo Bandeirante será totalmente reformadaPublicado por Vanessa Araújo Santos em 11 de janeiro de 202111 de janeiro...

Biografia de Salvador Dalí: um louco ou um gênio?

Extravagante, provocante e polêmico. Uma das figuras mais excêntricas do mundo das artes e, sem dúvida, um gênio. Definir Salvador Dalí é um pouco arriscado,...

O FARO CERTEIRO | Policiamento Inteligente

Sexta-feira (8), os policiais militares do 5º BAEP (Batalhão de Ações Especiais de Polícia), durante Operação de combate ao tráfico de drogas, visualizaram um...

Janeiro Branco e a importância de debater a saúde mental – Agência Brasília

Janeiro é o mês dedicado à saúde mental e, para promover discussões acerca do tema, foi criada a campanha Janeiro Branco. A data foi...

Prefeito Aderson Gouvea recebe 01 veículo Gol zero Km do Dep. Est. Cairo Salim. | Prefeitura Municipal de Goiás

Na tarde de hoje, 08/01, o Prefeito Aderson Gouvea, recebeu o Dep. Est. Cairo Salim, que veio fazer a entrega de 01 veículo...
- Publicidade-

Notícias Relacionadas

- Publicidade-