Monday, May 16, 2022
spot_img
HomeDFAgência Brasília

Agência Brasília


O Departamento de Estradas de Rodagem do Distrito Federal (DER-DF) concluiu o projeto da ciclovia que liga o Gama ao Park Way, passando pelas rodovias DF-480 e DF-065. O equipamento terá 9,1 quilômetros e está orçado em R$ 5,2 milhões.

De acordo com as administrações das duas regiões administrativas, deverão ser beneficiadas cerca de 60 mil pessoas, entre aqueles que usam a bicicleta para ir ao trabalho, à escola ou para o lazer. Agora, o próximo passo é a realização da licitação que possibilitará a execução da obra.

Trecho onde será construída a ciclovia, que terá 9,1 quilômetros e está orçada em R$ 5,2 milhões | Fotos: Divulgação

A engenheira do DER que acompanhou o projeto, Gisandra Faria, disse que a ciclovia, além de facilitar a vida das pessoas que usam a bicicleta como meio transporte, vai oferecer segurança aos usuários. “Está previsto que no ponto entre a DF-480 e a DF-001 haverá um semáforo com botoeira para facilitar a passagem dos ciclistas e também dos pedestres”, explica.

Gisandra destaca que, depois da criação do campus da Universidade de Brasília (UnB) no Gama, um espaço exclusivo para bicicleta passou a ser muito importante. “Muitos usam bicicleta como opção de transporte”, detalha. A obra deverá durar cinco meses.

Projeto da ciclovia que vai ligar o Gama ao Park Way, passando pelas rodovias DF-480 e DF-065

De acordo ainda com o projeto, o material a ser usado na construção da ciclovia será concreto asfáltico usinado a quente. A administradora do Gama, Joseane Araújo, disse que a ciclovia é um presente para sua cidade. “Muitos moradores do Gama serão beneficiados, como, por exemplo, os da Ponte Alta Norte”, frisou Joseane. O Gama possui hoje 20 quilômetros de ciclovias. A população da cidade está estimada em 134 mil habitantes.

A ciclovia naquela localidade vai atender cerca de 50 mil pessoas, segundo o ciclista Wilson Dias, da associação Ciclo do Pedal. Wilson foi um dos usuários de bike que reivindicaram a construção da ciclovia. “Vai ser muito importante para todos”, disse.

Maurício Tomas, administrador do Park Way, também definiu a ciclovia como um presente para os moradores das duas regiões administrativas. “Esperávamos muito por isso. A ansiedade dos ciclistas era grande. Pelas condições ambientais, as pessoas no Park Way gostam de andar de bicicleta”, destacou Maurício. O equipamento deverá beneficiar cerca de 10 mil moradores só no Park Way.

Catarina Lima, da Agência Brasília I Edição: Débora Cronemberger



Source link

RELATED ARTICLES
- Advertisment -spot_img

populares