Monday, May 16, 2022
spot_img
HomeECONOMIACEO da Positivo vence prêmio de empreendedor do ano 2022

CEO da Positivo vence prêmio de empreendedor do ano 2022


Hélio Bruck Rotenberg, fundador e presidente da Positivo Tecnologia (POSI3), foi anunciado o Empreendedor do Ano 2022 pela EY Brasil. O executivo foi escolhido entre outros cinco empreendedores homenageados na categoria Master. Ele irá representar o Brasil na etapa global do programa – o EY World Entrepreneur Of The Year™ -, a ser realizada em junho, em Mônaco, com a participação dos representantes dos outros países. 

A Positivo Tecnologia é uma companhia 100% brasileira, líder em vários segmentos: computadores, servidores, celulares, tablets, máquinas de pagamento, urnas eletrônicas, casa inteligente e tecnologia educacional, com alcance nacional e global. Só no Brasil, um em cada seis computadores vendidos no varejo é fabricado pela empresa. 

Empreendedor desde cedo, aos 26 anos de idade, Rotenberg decidiu que queria dirigir a Faculdade de Informática Positivo. Procurou o presidente, foi contratado, e idealizou um projeto audacioso: criar uma empresa para fabricar computadores. Foi assim que nasceu a Positivo, em 1989, junto aos sócios do Grupo Positivo e, de uma pequena fábrica com capacidade para produzir 50 computadores por mês, a Positivo Tecnologia se tornou a grande empresa de tecnologia hardware do Brasil. 

Mais homenageados 

Além da categoria Master, a EY homenageou empreendedores em outros segmentos. Na categoria Impacto Socioambiental, o representante foi Ronaldo Tenório, co-fundador e diretor executivo da Hand Talk.

Em Emerging, que homenageia empreendedores que estão à frente de empresas promissoras e com alto potencial de crescimento, o destaque ficou com Emily Ewell e Maria Eduarda Camargo, CEO e CFO da Pantys. “Muito obrigada pela homenagem. Na Pantys, realmente sonhamos grande com produtos reutilizáveis (calcinhas absorventes) para acabar com a pobreza menstrual no Brasil e diminuir a geração de lixo no planeta”, afirmou Emily.  

O reconhecimento como Executivo Empreendedor foi concedido a Walter Schalka, por sua atuação como CEO da Suzano. “Para mim, essa é uma homenagem coletiva prestada a todos os colaboradores da Suzano. Somos nós, 15.400 pessoas, que acordamos todos os dias para fazer algo diferente. Sou só aquele que aparece nesse processo pela posição que eu exerço neste momento. Vamos juntos de uma forma colaborativa e construtiva mudar a sociedade”, disse Schalka.  

Em Family Enterprise, o destaque ficou com Flávio Rocha, acionista e principal executivo do Grupo Guararapes, que inclui a rede de lojas Riachuelo. “O segredo de nós da Riachuelo estarmos aqui nessa homenagem da EY é que somos 40 mil construtores que pulam da cama pela manhã revigorados por um propósito, por uma missão, por uma certeza que a ferramenta que a gente domina, que é a moda, é essa ferramenta maravilhosa de inclusão e melhoria da vida das pessoas. Obrigado por reconhecer esse fantástico time.” 

Luiz Sergio Vieira, CEO da EY Brasil, afirmou que a EY há décadas “fomenta o empreendedorismo e reconhece todos aqueles que criam soluções para os desafios atuais”. “São em momentos desafiadores que temos a urgência de agir, de criar e a oportunidade de inovar. E, como empreendedores, temos o papel de fazer a diferença com o propósito claro de tornar nosso mundo melhor. São esses empreendedores que escrevem histórias fantásticas e têm na mão o poder de transformação social”, completou. 

Raquel Teixeira, sócia de EY Private e líder dos programas Empreendedor do Ano Brasil e Winning Women Brasil, lembrou que a iniciativa busca também valorizar os executivos que fazem uso da inovação na condução de seus negócios. “Temos orgulho em apoiar, por mais um ano, a trajetória de alguns dos mais brilhantes empreendedores brasileiros, essenciais para a geração de negócios no país e que contribuem para a criação de empregos, renda e desenvolvimento do Brasil. A EY enxerga o empreendedorismo como um impulsor de transformação social e este é o legado que queremos deixar.” 

Premiação 

Criado em 1986 nos Estados Unidos, o Programa EOY completa 24 anos de presença no Brasil, com mais de 300 executivos brasileiros homenageados e reconhecidos pela EY desde então.  O objetivo da iniciativa é reconhecer o trabalho e o esforço dos empreendedores que se destacam pelo seu estilo de liderança e contribuição para o ecossistema de negócios do país.  

Em edições anteriores do Empreendedor do Ano, a categoria Master teve, entre alguns dos representantes do Brasil, os executivos Pedro Bueno, CEO do Grupo DASA; Cesar Gon, fundador e CEO da CI&T; Rubens Menin, da MRV Engenharia; Rodrigo Galindo, do Grupo Kroton (atual Cogna); Edgard Corona, da Bio Ritmo; Roberto Medina, do Rock in Rio; e Eraí Maggi Scheffer, do Grupo Bom Futuro. 

Veja também



Source link

RELATED ARTICLES
- Advertisment -spot_img

populares