Monday, May 16, 2022
spot_img
HomeDFAgência Brasília

Agência Brasília



“Desde o início do governo, temos buscado melhorias. Criamos uma nova saída, ampliamos galpões, abrimos a central de pescados”
– Governador Ibaneis Rocha

A sede das Centrais de Abastecimento do Distrito Federal (Ceasa), localizada no SIA, vai ganhar uma nova iluminação. Anunciada pelo governador Ibaneis Rocha em visita ao local nesta quinta-feira (17), a medida atende a um antigo pedido de quem trabalha e frequenta o espaço.
Serão substituídas 211 lâmpadas comuns por equipamentos de LED, que trazem maior sensação de segurança e economia de 50% no consumo de energia. O investimento será de quase R$ 140 mil. Além desta demanda, Ibaneis Rocha escutou os permissionários sobre outros pedidos.

Em dias de feria, a Ceasa é registra o movimento de 15 mil pessoas; é uma verdadeira cidade de hortifrutigranjeiros | Fotos: Renato Alves/Agência Brasília

“A Ceasa foi se expandindo e tornou-se uma outra cidade dentro do DF”, disse o governador. “Desde o início do governo, temos buscado melhorias. Criamos uma nova saída, ampliamos galpões, abrimos a central de pescados e sempre acompanho os problemas aqui. Já tinha pedido a troca da iluminação e também melhorias no asfalto, que foi feito. Há muito a ser organizado, e estamos fazendo isso.”

O presidente da CEB Ipes, Edison Garcia, detalha a operação: “Vamos trocar todas as lâmpadas dos postes existentes e implantar pontos novos para reduzir pontos de escuridão. O projeto tem por objetivo melhorar as vias de acesso, estacionamentos e pontos de descarga da Ceasa”.

Governador Ibaneis reuniu-se com diretoria e representantes dos produtores que atuam no local


Ainda neste ano, serão liberados R$ 5 milhões para a compra de cestas verdes dos produtores rurais

Ibaneis Rocha conversou com os comerciantes e representantes de associações para avaliar a possibilidade de atender outras demandas. Entre os pedidos, estão isenção do IPTU, coleta seletiva feita pelo SLU, apoio aos carregadores com o fornecimento de equipamentos de proteção individual (EPIs) e transformação da agência do BRB em agência agro.

A Ceasa, informa seu presidente, Fábio Souza, está cadastrando cerca de três mil carregadores e vai licitar 12 novos boxes, além de publicar a licitação para o mercado central, ainda em março. Outra medida é a liberação de R$ 5 milhões, este ano, para a compra de cestas verdes dos produtores rurais.

“A Ceasa é uma cidade da alimentação por onde circulam 15 mil pessoas em dias de feira, então há muitas demandas nesses quase 50 anos de existência”, afirma o gestor. “Estamos lutando por todas elas, desde a isenção do IPTU e o recolhimento dos resíduos orgânicos pelo SLU. Tudo isso vai permitir a redução do custo dos permissionários, até a construção do mercado central, com um investimento de R$ 230 milhões e que vai trazer a alimentação regional e internacional para cá em um espaço no padrão visto em outros estados e no mundo.”

Vice-presidente da Associação dos Produtores e varejistas da Ceasa-DF (Aprova-DF), Sandra Gimenes saiu satisfeita da reunião. “São 50 anos de Ceasa, e essa iluminação está aí desde então”, disse. “Tivemos essa surpresa para assinatura da troca. Com isso, ganhamos fôlego, porque o governador ouviu com carinho e vai avaliar as outras demandas”.

Centro de hortifrutigranjeiros


Ceasa registrou comércio de R$ 1,3 bilhão e quase 400 mil toneladas de produtos no ano passado

Criada em 1971, a Ceasa nasceu da necessidade de constituir um local para os agricultores do DF comercializarem seus produtos, contemplando a procura da comunidade por alimentos de qualidade a preços acessíveis, tanto no atacado quanto no varejo.

Só no ano passado, foram comercializados pela Ceasa R$ 1,3 bilhão e cerca de 396 mil toneladas de produtos. O local é responsável por 1/4 do abastecimento da alimentação no DF. “Vamos colocar nosso braço social para atender os carregadores, trazendo a Fábrica Social e a Secretaria de Trabalho para cuidar dessa questão”, afirmou o governador Ibaneis. “Vou falar com o BRB para ver a questão do BRB Agro, e vamos trabalhar a questão da limpeza, porque nada mais justo que a coleta do lixo ser feita por uma empresa pública”.

Confira, abaixo, as medidas adotadas pela atual gestão em benefício da Ceasa.

*  Volta do estacionamento gratuito, em 2019

*  Nova pista com acesso direto à Estrutural

*  Construção de rotatória em frente à Ceasa

*  Reabertura do Mercado do Peixe de Brasília

* Entrega de novos pavilhões

* Posto de Brigada de Incêndio e primeiros socorros

* Parceria público-privada (PPP) com o Mercado Central de Brasília

Ian Ferraz, da Agência Brasília | Edição: Chico Neto



Source link

RELATED ARTICLES
- Advertisment -spot_img

populares