Wednesday, May 18, 2022
spot_img
HomeGOSPELAcusado de invadir templo, vereador diz que porta estava aberta

Acusado de invadir templo, vereador diz que porta estava aberta


O polêmico vereador Renato Freitas, do PT, participou de uma live na últimas segunda-feira (14) rebatendo as acusações de vilipêndio por invadir templo católico e promover ofensas contra os fiéis em Curitiba, Paraná.

Ele afirma que não houve invasão, pois ä porta estava aberta”, sugerindo que poderia entrar em qualquer igreja em momento de culto desrespeitando o local. Ele também sugeriu que os militantes de esquerda também seriam cristãos.

“A porta estava aberta e a igreja é nossa, porque a gente é cristão também e Deus é nosso pai. […] A gente não fez nada de mal a ninguém”, afirmou o vereador. “Os humanos querem sempre ser senhores de outros humanos e nessa corrida fazem outras pessoas de reféns.”

Embora o padre responsável tenha confirmado que sua cerimônia foi interrompida pelos manifestantes, Freitas alegou que o templo estava vazio e que a liturgia já havia sido encerrada na ocasião, o que é desmentido por imagens.

A versão apresentada pelo vereador também é rebatida pela vereadora Amália Tortato (Novo), dirigente do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar da Câmara Municipal de Curitiba (CMC).

Segundo um parecer inicial divulgado por ela também na segunda, houve “perturbação da prática de culto religioso e de sua liturgia”.



Source link

RELATED ARTICLES
- Advertisment -spot_img

populares