Destaques “Pinto e Sururu”: ação retira 150 toneladas de resíduos...

“Pinto e Sururu”: ação retira 150 toneladas de resíduos da Lagoa Mundaú

-

- Advertisment -

Iniciativa da Prefeitura contribui diretamente com proposta de conscientização e preservação do meio ambiente

Em uma ação conjunta entre a Superintendência Municipal de Desenvolvimento Sustentável (Sudes), a Fundação Municipal de Ação Cultural (FMAC) e a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), neste sábado (11), foram retirados 150 toneladas de resíduos da orla lagunar e no mangue que é encontrado na Lagoa Mundaú, no bairro do Vergel do Lago.

A segunda edição do Projeto Lagoa Limpa, que foi batizada de “Pinto com Sururu: Frevo na Lagoa Mundaú”, tinha como objetivo a conscientização ambiental da população para garantir a preservação do ecossistema e renda para as famílias que vivem da pesca na região.

Prefeitura retira mais de 150 toneladas de resíduos da orla lagunar. Foto: Ascom Sudes

Em 25 canoas, mais de 100 pessoas entre agentes de limpeza, servidores do Município, integrantes de cooperativas de coleta seletiva e voluntários partiram até os locais críticos. Lá, o lixo se acumula após ser descartado de forma irregular pela população em vias e espaços públicos. A ação ainda contou com o apoio da Capitania dos Portos, que fez a segurança dos participantes dentro da Lagoa.

Mais de 100 pessoas participaram da ação de limpeza da Lagoa. Foto: Ascom Sudes
Mais de 100 pessoas participaram da ação de limpeza da Lagoa. Foto: Ascom Sudes

Na primeira edição da ação “Lagoa Limpa”, que aconteceu em julho e durou dois dias, foram recolhidos em torno de 300 toneladas de resíduos. O total retirado na segunda edição, 150 toneladas, reflete a mudança de postura da população em relação ao descarte irregular.

O assessor especial da Sudes, Robert Wagner valoriza a atividade e pede que a população seja parceira da Prefeitura na preservação do meio ambiente.

“Mais uma edição do Projeto Lagoa Limpa que concluímos com sucesso! Retiramos cerca de 150 toneladas. Isso demonstra que o cidadão já está pensando antes de descartar de forma irregular e a quantidade de resíduos tende a diminuir. É disso que precisamos: a população ao nosso lado no combate aos males que danificam nossas belezas naturais”, disse.

Além do recolhimento dos resíduos, as equipes de educação ambiental da Sudes percorreram as ruas vizinhas, de porta em porta, dialogando e ensinando práticas sustentáveis para os residentes, como a utilização do Ponto de Entrega Voluntária (PEV) instalado na região para o despejo de recicláveis.

O resíduo seco ou reciclável coletado foi levado para as cooperativas. Já o material molhado, teve como destinação final a Central de Tratamento de Resíduos (CTR), administrada pelo Município.

Alexandre Vieira/Ascom Sudes

Fonte: Prefeitura de Maceió

Latest news

‘Caminho das Escolas’ conclui mais uma obra na área rural – Agência Brasília

“É um projeto no qual buscamos dar a melhor qualidade possível às crianças para que elas possam se...

Mais empregos para pessoas com deficiência no DF – Agência Brasília

“Fazemos o encaminhamento das pessoas, e este ano já foram cerca de mil” Thales Ferreira, secretário do Trabalho O...

Covid-19: Brasil tem 8,6 mil casos e 243 mortes em 24 horas

O Brasil registrou 8.668 casos de covid-19 e 243 mortes causadas pela doença em 24 horas, segundo o boletim...

Dados revelam que 95% de internados por Covid são de não-vacinados

O infectologista e diretor da SBIm (Sociedade Brasileira de Imunizações), Renato Kfouri afirmou neste sábado (25),  que pessoas com...
- Advertisement -

Risco de covid-19 grave é até 6 vezes maior em pacientes com Alzheimer

Pesquisadores brasileiros identificaram que o Alzheimer é um fator de risco para quem contrai a covid-19, independentemente da idade....

Brasil terá clássico com Argentina na semifinal do Mundial de Futsal

O Brasil sofreu, mas está classificado às semifinais da Copa do Mundo de Futsal, que é disputada na Lituânia....

Must read

Mais empregos para pessoas com deficiência no DF – Agência Brasília

“Fazemos o encaminhamento das pessoas, e este ano...
- Advertisement -

You might also likeRELATED
Recommended to you