Destaques Jeep Commander 2022 tem 7.000 unidades reservadas em 15...

Jeep Commander 2022 tem 7.000 unidades reservadas em 15 dias

-

- Advertisment -

A falta de chips na cadeia global de fornecedores está produzindo coisas estranhas nos fabricantes de veículos. Enquanto alguns matam versões e modelos baratos, priorizando outros, uns precisam mudar até os equipamentos dos carros, de modo a não parar a produção.

Esse é o caso da Toyota no Brasil, que decidiu produzir o Corolla sem multimídia de fábrica. As unidades do sedã médio japonês, que saem de Indaiatuba, interior de São Paulo, seguirão para as revendas incompletos, nesse caso.

Contudo, para que os clientes não ficam com um “vazio” em seus carros, a Toyota firmou parceria com a empresa nacional Wings, que fornecerá uma multimídia alternativa e localizada, cuja instalação será efetuada nos revendedores.

Esta empresa, que já produz dispositivos eletrônicos e acessórios para algumas marcas vendidas no país, abastecendo tanto concessionários quanto montadoras, atenderá o Corolla nacional com uma central de infotainment diferente.

VEJA TAMBÉM:

Sem chips: Toyota Corolla troca multimídia original por nacional

Segundo João Marcelo Barros, co-fundador da Wings, o dispositivo será baseado na plataforma Android e terá display de 10 polegadas sensível ao toque (foto acima, modelo de 9 polegadas para o Corolla 2018), além de dispor de Bluetooth e Wi-Fi, sem a projeção para Google Android Auto e Apple Car Play.

Ainda assim, o usuário poderá dispor dos aplicativos Waze e Spotify, por exemplo, já instalados no dispositivo. Ao site UOL, Barros comentou: “A central traz, através de uma supertela de alta resolução, uma nova experiência com o que há de mais moderno em entretenimento, segurança e navegação”.

O comunicado da Toyota, enviado ao site UOL:

A Toyota do Brasil informa que apesar de todos os esforços que têm realizado ao longo do tempo para gerenciar a falta de insumos que afeta a cadeia de suprimentos global, provocada pela pandemia de Covid-19, desde o dia 1º de setembro os veículos Corolla sedã produzidos na unidade de Indaiatuba (SP) estão saindo de linha sem a central multimídia original.

Para evitar uma parada completa de produção e causar ainda mais desconforto aos clientes que precisariam esperar seus veículos por um longo tempo, a Toyota buscou um novo parceiro para fornecer este item, cuja instalação será feita na rede de concessionárias Toyota de todo o País.

Dessa forma, a Toyota assegura seu compromisso de seguir produzindo e garantindo demanda na sua cadeia suprimentos neste momento atípico e de grandes dificuldades que o mundo enfrenta.

[Fonte: UOL]

AUTOMOTIVO

Fonte: Agência Brasil

Latest news

Moto Club vence de novo o Castanhal e está nas oitavas da Série D

O Moto Club, do Maranhão, voltou a vencer, na tarde deste domingo (19), o paraense Castanhal, por 2 a...

Construção civil convoca mais de 220 profissionais – Agência Brasília

O mercado da construção civil está aquecido no DF. Além do aumento das emissões de alvará – 32%...

Ator Luis Gustavo morre aos 87 anos

Morreu hoje (19) o ator Luis Gustavo Blanco, aos 87 anos de idade. Segundo o sobrinho, o também...

Construção civil convoca mais de 220 profissionais

O mercado da construção civil está aquecido no DF. Além do aumento das emissões de alvará – 32% no...
- Advertisement -

Construção de pontes promove novas oportunidades aos maranhenses que antes viviam no isolamento

Finalização do içamento das vigas metálicas nos blocos...

Desenvolvimento Territorial elabora projeto para revitalizar Mirante de Cruz das Almas

Reforma será concluída em novembro deste ano e inclui melhorias no piso, construção de rampas acessíveis, entre outras intervenções Um...

Must read

Moto Club vence de novo o Castanhal e está nas oitavas da Série D

O Moto Club, do Maranhão, voltou a vencer, na...

Construção civil convoca mais de 220 profissionais – Agência Brasília

O mercado da construção civil está aquecido no...
- Advertisement -

You might also likeRELATED
Recommended to you