Destaques Universidade Estadual do Ceará adere à Rede ODS Brasil

Universidade Estadual do Ceará adere à Rede ODS Brasil

-

- Advertisment -

A Universidade Estadual do Ceará (Uece), no âmbito da missão de produzir e disseminar conhecimento e formar profissionais com foco na competência tecnológica e no desenvolvimento sustentável, tem buscado desenvolver ações vinculadas aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) em seus programas e projetos, seja na área da formação, da pesquisa e da extensão. Assim, decidiu formalizar sua participação na Rede ODS Brasil, coletivo que tem como referência a Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), considerando o papel imprescindível desta rede na discussão e construção partilhada de intervenções para a implementação das agendas de desenvolvimento da ONU.

Na inserção ao Grupo de Trabalho Ciência Tecnologia e Inovação, a Uece espera poder contribuir e aprender com as experiências de produção e disseminação de conhecimento, numa troca que permita articular estratégias colaborativas de defesa da Agenda 2030 e com o conjunto de direitos com os quais dialoga diretamente. No Ranking de Impacto 2021, lançado pela Times Higher Education e que avalia as universidades em relação aos ODS, a Uece foi colocada em 92° lugar do mundo e em 4° lugar do Brasil no ODS “Educação de Qualidade”.

Para a Pró-reitora de Extensão, professora Anezilany Nascimento, a participação da Uece “é muito importante, devido ao papel que a rede desempenha na implantação dos temas de desenvolvimento da ONU, estabelecidos na Agenda 2030. Esses temas vão ao encontro dos princípios da Universidade Estadual do Ceará, no sentido de uma gestão horizontalizada, compartilhada, na perspectiva de desenvolvimento focalizada na diversidade regional e territorial brasileira, no posicionamento público sobre pautas suprapartidárias, tendo como base o diálogo e o pertencimento coletivo”.

Atuação da Uece

Tendo em vista que o ODS “Educação de Qualidade”, em que a Uece se destaca, o Ranking de Impacto 2021 mede a contribuição das universidades para os primeiros anos, a aprendizagem ao longo da vida, a pesquisa pedagógica e o compromisso com a educação inclusiva. Nesse indicador foram ranqueadas 966 instituições do mundo.

No conjunto de seus 162 laboratórios de pesquisa, de ensino e mistos, devidamente institucionalizados, distribuídos por Centros e Faculdades da Capital e do Interior do estado, e de suas políticas de ensino, pesquisa, extensão, de ações inclusivas/afirmativas, bem como de sua organização didático-pedagógica, são muitas as ações que direta ou indiretamente vinculam-se aos ODS.

Para ilustrar algumas atuações no que se refere à vinculação mais direta, destacam-se:

Projeto Areninha

Em parceria com a Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal de Educação, o projeto conjuga e integra iniciativas na área de política educacional com política de esporte, no intuito de oferecer uma ampliação da jornada escolar para alunos de escolas municipais de Fortaleza, do 6° ao 9e ano. Atualmente, são atendidos 1.600 estudantes, em cinco Escolas Areninhas. O conjunto das atividades inclui o desenvolvimento de materiais e de metodologias, preparação dos monitores e dos supervisores em conteúdo voltado a aprendizagens significativas, de modo a minimizar os riscos às vulnerabilidades a que estão expostos os jovens nas suas comunidades, visando ao fortalecimento de iniciativas que favoreçam o atingimento dos ODS, especialmente, assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos, em todas as idades e assegurar a educação inclusiva e de qualidade, e promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos.

Realização da quarta edição do Seminário Internacional de Políticas Públicas Inovadoras para Cidades, pela Prefeitura de Fortaleza, com apoio da Uece

O evento, vinculado integralmente à Agenda 2030 e seus 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), visou reunir especialistas e líderes políticos nacionais e internacionais para o debate de políticas públicas que transformaram cidades. Incluiu sete painéis temáticos, entre eles: Mobilidade, Espaços Urbanos e Cidadania; Saúde; Juventude e Empreendedorismo; Economia e Cidades Criativas; Educação; Primeira Infância; e Protagonismo das Cidades.

Participação na criação do Inventário da Fauna Local, o primeiro do Brasil

O Inventário focaliza o alcance dos ODS que se relacionam diretamente com a preservação da fauna local, como a ODS 2, que é a “Fome Zero e Agricultura Sustentável”. O docente da Uece e coordenador-científico do Inventário, Hugo Fernandes, destaca que outro objetivo importante alinhado ao projeto é o 15, “Vida Terrestre”. Um dos objetivos é inventariar, isto é, fazer um levantamento das espécies, além de proteger, recuperar os ecossistemas, gerir de forma sustentável.

Diagnóstico Socioeconômico e Plano de Geração de Trabalho e Renda: Zona Especial de Interesse Social do Pirambu

Material elaborado através do TDCO no 001/2019/Cidades/ Funece em parceria com o Iplanfor. O relatório é parte integrante do Plano Integrado de Regularização Fundiária (Pirf) da Zona Especial de Interesse Social (Zeis) do Pirambu. O Pirf, instrumento previsto no Plano Diretor Participativo de Fortaleza, consiste em um plano de regularização fundiária elaborado a partir de uma abordagem sistêmica, envolvendo análises do processo de ocupação do território e integração de políticas econômicas, fundiárias, ambientais e urbanísticas. O plano foi desenvolvido de forma democrática e interativa e contou com a colaboração dos moradores da Zeis Pirambu. O trabalho é resultado de uma parceria interinstitucional entre a Prefeitura Municipal de Fortaleza, via Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), o Governo do Ceará, via Secretaria das Cidades, e a Universidade Estadual do Ceará (Uece), representada por sua equipe técnica instituída pelo então Reitor José Jackson Coelho Sampaio, em 2019.

Dentre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, destaca-se a meta 4.2: “Até 2030, assegurar a igualdade de acesso para todos os homens e as mulheres à educação técnica, profissional e superior de qualidade, a preços acessíveis, incluindo a universidade” (IPEA, 2018, p.115). Ressalta-se a importância do acesso à formação, principalmente para geração de trabalho e renda. Nesse sentido, realizou-se o mapeamento de instituições e equipamentos voltados para formação técnica, profissional e superior localizados nos bairros que englobam a Zeis Pirambu e nos bairros adjacentes que formam a Zona de Influência Econômica.

 

Fonte: Governo do Estado do Ceará

Latest news

Sessão especial na 2ª-feira, 27, homenageia Dia do Turismo e Dia do Turismólogo

Na segunda-feira, 27, será comemorado o Dia do Turismo e Dia do Turismólogo no Parlamento de Goiás, com a...

Horóscopo do dia: previsões para 24 de setembro de 2021

Marcelo Dalla O horóscopo do dia apresenta previsões para o seu signo e ascendente ÁRIES O...

Alguns apps para iPhone estão rastreando usuários sem permissão

Ana Marques Alguns apps para iPhone estão rastreando usuários sem permissão Desde o lançamento do iOS 14.5...

Hotéis baby friendly oferecem suporte para pais e conforto ao bebê; veja regras

Unsplash Para viajar com seu filho em segurança, deve-se verificar se o hotel oferece as dependências...
- Advertisement -

Escolhido do público, espetáculo ‘Dê Lírios’ é exibido no YouTube do Balé Teatro Castro Alves

O público escolheu o espetáculo ‘Dê Lírios’ para ser exibido na próxima edição do BTCAPlay. A gravação em vídeo...

Cleo esbanja sex appeal em registros quentes nas Maldivas: “Furacão de mulher!”

  Na última quinta-feira (23), Cleo apimentou o clima do Instagram ao postar uma sequência...

Must read

Sessão especial na 2ª-feira, 27, homenageia Dia do Turismo e Dia do Turismólogo

Na segunda-feira, 27, será comemorado o Dia do Turismo...

Horóscopo do dia: previsões para 24 de setembro de 2021

Marcelo Dalla O horóscopo do dia...
- Advertisement -

You might also likeRELATED
Recommended to you