Destaques Governo e entidades discutem estratégicas para aumentar a segurança...

Governo e entidades discutem estratégicas para aumentar a segurança de turistas

-

- Advertisment -

A Paraná Turismo, autarquia vinculada à secretaria estadual do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, realizou nesta quinta-feira (09) a primeira reunião para discutir estratégias de segurança e conforto aos turistas, principalmente aos que usam rodovias.

Participaram representantes da Polícia Militar, Instituto Municipal de Turismo (IMT) de Curitiba, Invest Paraná, Fecomércio-PR e Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Paraná (ABIH). O objetivo, segundo o diretor-presidente da Paraná Turismo, João Jacob Mehl, é mostrar que o Paraná é seguro para receber visitantes, especialmente do Exterior.

“Temos tomado uma série de atitudes para aumentar o número de turistas no Estado, especialmente estrangeiros. Realizamos uma reunião inicial para discutir como dar essa segurança que o visitante precisa”, disse Jacob Mehl. O objetivo, segundo ele, é elaborar uma proposta concreta para acolher e proteger os visitantes.

SUGESTÕES – Nessa primeira conversa foram levantados os principais pontos que exigem atenção das forças de segurança. Entre elas, operações para evitar assaltos a ônibus de turismo nas rodovias estaduais e federais que cortam o Paraná em 22 regiões turísticas do Estado.

Outra sugestão é o apoio das concessionárias das rodovias para a leitura das placas dos veículos nos postos de pedágio, possibilitando a abordagem de suspeitos em pontos futuros da viagem. As sugestões devem ser levadas a uma próxima reunião no mês de outubro, com a participação das polícias rodoviárias estadual e federal, Polícia Civil do Paraná e guardas municipais.

“Propomos uma reunião com representantes das esferas federal e estadual para que haja um trabalho integrado”, disse o assessor militar da secretaria estadual da Segurança Pública, coronel Adilson Luiz Correa dos Santos.

CAPACITAÇÃO – O superintendente do IMT, Paulo Cesar Nauiack, ressaltou que Curitiba tem à disposição a Escola de Turismo para capacitação de agentes de segurança, a fim de que possam trabalhar de forma harmônica com o que exige o turismo.

“Estamos abertos para ofertar essa capacitação aos agentes de segurança”, afirmou Nauiack. Segundo ele, é necessário que haja um tipo de segurança específica ao turista. “O visitante quer ter liberdade para poder fazer turismo de forma independente no destino”, completou.

Fonte: Agência Estadual de Notícias

Latest news

Serviço de reabilitação pós-Covid reintegra pacientes ao trabalho e às atividades do dia-a-dia

Foto: Carol Garcia/GOVBA Pessoas que se curaram da Covid-19 mas que apresentam sequelas físicas ou mentais por conta da doença...

Conscientização de que é preciso respeitar as diferenças e o direito do outro é o pressuposto básico para a harmonia

Paz é sinônimo de harmonia, bem-estar, conforto, bonança e tranquilidade. Entretanto, não se trata de algo construído na individualidade,...

Concerto em Brasília abre atividades pelos 200 anos da Independência

A Concha Acústica do Distrito Federal, em Brasília, será palco hoje (21), às 20h, de concerto gratuito da Orquestra Sinfônica do...
- Advertisement -

Larissa Manoela faz challenge sensual para mostrar look do dia: “Ela pode!”

  Recentemente, Larissa Manoela parou as redes sociais após compartilhar um vídeo de transformação ousadíssimo em sua conta do Instagram. Não...

Deputado Humberto Aidar comanda reunião ordinária híbrida da CCJ que acontece nesta terça-feira, as 14 horas

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ)  se reúne nesta terça-feira, 21, a fim de deliberar acerca de...

Must read

- Advertisement -

You might also likeRELATED
Recommended to you