Destaques Romeu Zema participa do lançamento do projeto de derivação...

Romeu Zema participa do lançamento do projeto de derivação do Rio São Francisco para o Rio Picão, em Bom Despacho

-

- Advertisment -

O governador Romeu Zema participou, neste sábado (28/8), em Bom Despacho, no Centro-Oeste mineiro, da cerimônia de lançamento do projeto de derivação do Rio São Francisco para o Rio Picão, que prevê a irrigação de 10 a 15 mil hectares para a produção de grãos e hortifrútis às margens do curso d’água, desenvolvendo a produção e a economia de toda a região.

“Este projeto vai mudar o cenário econômico de toda a região. Isso significa mais geração de empregos, mais renda, mais desenvolvimento para Minas Gerais”, afirmou o governador.

Zema ressaltou que a agricultura tem sido a atividade mais dinâmica do estado e também destacou as ações desenvolvidas pelo seu governo para apoiar o desenvolvimento do setor.

“Na parte tributária temos feito grandes avanços, simplificando a vida principalmente do micro e do pequeno empreendedor, que deixou de ter que atender a diversas exigências e burocracias, e tem muito mais agilidade. A parte ambiental tem sido mudada para que projetos minúsculos não demandem licenças, estudos e análises. Continuamos tomando todos os cuidados, mas para iniciativas que realmente causam impacto. Queremos que o estado de Minas caminhe neste sentido de dar total apoio à atividade rural”, afirmou o governador durante entrevista à imprensa.

Parcerias

Na primeira etapa do desenvolvimento do projeto foi utilizada a metodologia de Zoneamento Ambiental e Produtivo (ZAP), desenvolvida pelo Governo de Minas por meio das secretarias de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad). Trata-se de ferramenta para o diagnóstico ambiental de sub-bacias hidrográficas, para solucionar conflitos relacionados ao uso dos recursos hídricos e implantar programas de desenvolvimento sustentável ou preservação ambiental.

A secretária de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Ana Valentini, destacou a importância do estudo para o desenvolvimento sustentável do agronegócio.

“Esse projeto vai ser feito baseado em um estudo importantíssimo, que destaca a potencialidade que nós temos de aumento da produção, feito de uma forma racional, para a gestão dos recursos hídricos. O zoneamento também mostra as áreas de preservação permanente que precisam ser recuperadas, as nascentes que devem ser protegidas e as pastagens degradadas que necessitam de restauro”, afirmou a secretária.

O projeto

O projeto consiste na captação da água num ponto do rio São Francisco para jogar no rio Picão. A captação será feita no ponto onde o córrego dos Machados deságua no Velho Chico. A água será bombeada e despejada num lago, que será construído na cabeceira do rio Picão, para regular a sua vazão. 

A estimativa é que o trabalho permita a irrigação de 10 a 15 mil hectares, para produção de grãos e hortifrútis às margens do Rio Picão. Além disso, ele permitirá ao município ter abastecimento de água por no mínimo mais 30 anos.

O prefeito de Bom Despacho, Bertolino da Costa Neto, falou sobre a importância da intervenção para toda a área. “É um projeto fantástico que poderá matar a sede da nossa gente de Bom Despacho e da região. Sede de água, mas, principalmente, a sede do desenvolvimento. Estamos firmes nesta iniciativa que será a maior do Centro-Oeste e de toda Minas Gerais”, afirmou.

O ex-ministro da Agricultura, Alysson Paolinelli, um dos idealizadores do projeto, reforçou que, além do desenvolvimento da região, ele irá proporcionar sustentabilidade.

“A evolução da agricultura mineira e brasileira está chegando em um nível que nós não podemos perder nenhuma potencialidade. Esta região é uma das mais prósperas e ela tem um degrau a subir, que é o problema da água. Aqui nós temos condições, em um projeto que não é complicado, que pode ser feito com intervenção do homem sem nenhum dano ecológico”, disse o ex-ministro.

Também participaram da cerimônia o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Fernando Passalio, o secretário-geral Mateus Simões, o presidente do Sebrae, Carlos Melles, deputados federais, estaduais, prefeitos e vereadores da região, e demais autoridades e lideranças locais.

Fonte: Agência Minas Gerais

Latest news

Twitter vai permitir denúncias de posts com fake news no Brasil

Pedro Knoth Twitter vai permitir denúncias de posts com fake news no Brasil O Twitter informou em...

Pandemia fez um novo bilionário a cada 26 horas, diz Oxfam

Enquanto a pandemia colocou na pobreza mais de 160 milhões de pessoas, um novo bilionário surgiu a cada 26...

Cursos intensivos de verão movimentam as manhãs da Escola de Dança da Funceb

Foto: Lucas Malkut Durante todo o mês de janeiro, a Escola de Dança da Funceb (Pelourinho) está com vagas abertas...

14/01/2022

14/01/2022 Source link
- Advertisement -

Hvep tem novo número para atendimento – Agência Brasília

O Instituto Brasília Ambiental informa que o telefone do Serviço Veterinário Público (Hvep) para atendimentos, via WhatsApp, foi...

Quer vender comida e bebida no Zoológico? Confira o edital – Agência Brasília

A Fundação Jardim Zoológico de Brasília (FJZB) divulga novo edital de chamamento para uso de área pública. Desta...

Must read

Twitter vai permitir denúncias de posts com fake news no Brasil

Pedro Knoth Twitter vai permitir denúncias...

Pandemia fez um novo bilionário a cada 26 horas, diz Oxfam

Enquanto a pandemia colocou na pobreza mais de 160...
- Advertisement -

You might also likeRELATED
Recommended to you