Destaques Agentes que atuam nas unidades prisionais participam de curso...

Agentes que atuam nas unidades prisionais participam de curso de Inteligência Penitenciária

-

- Advertisment -

Agentes que atuam nas unidades prisionais do Paraná participaram do curso Noções de Inteligência Penitenciária, promovido pela Escola de Formação e Aperfeiçoamento Penitenciário (Espen).  Ao todo, 113 profissionais em todo o Estado fizeram a capacitação, que teve como objetivo preparar os servidores para atuar na captação e tratamento das informações das unidades penais.

“As unidades prisionais são fonte de informações para a segurança pública como um todo. Por isso, é importante capacitar esses profissionais para que o trabalho seja padronizado e integrado em todo o Paraná”, afirmou o diretor-geral do Depen, Francisco Caricati.

Segundo o chefe da Agência de Inteligência do Depen, Adailton Taques, o curso é resultado de uma parceria entre Espen, Agência de Inteligência e Assessoria de Segurança do Depen. “Desde o início do ano estamos percorrendo todas as regiões do Estado para capacitar esses servidores. Contamos com uma equipe empenhada e também com a instrução do servidor da Assessoria de Segurança, Adriano de Souza Rodrigues, um profissional extremamente habilitado, que possui uma extensa bagagem no sistema prisional, atuou em diferentes unidades penais e consegue transformar essa experiência em conhecimento”, disse o Taques.

PROPÓSITOS – Ele explicou, ainda, que o curso busca preparar os agentes para o levantamento rápido de informações abrangentes, precisas e oportunas, visando identificar as ameaças potenciais ou efetivas ao sistema penitenciário do Estado, que possam auxiliar na tomada de decisões.

“Nosso propósito foi apresentar aos servidores e gestores a importância da atividade de inteligência no interior das unidades penais como principal ferramenta no enfrentamento ao crime organizado” ressaltou a diretora da Espen, Marilza Hack.

Dividido em etapas, o curso foi aplicado nas regiões de Curitiba, Foz do Iguaçu, Cascavel, Maringá, Francisco Beltrão, Londrina, Ponta Grossa e Guarapuava. Foram adotados todos os cuidados necessários para o combate à Covid-19, de acordo com os protocolos estabelecidos pela Secretaria de Estado da Saúde e do Ministério da Saúde.

Fonte: Agência Estadual de Notícias

Latest news

Guimarães recebe ações do governo na comemoração dos seus 264 anos

Ações do Governo do Estado, realizadas pela Sedes, durante o aniversário da cidade de Guimarães (Foto: Divulgação) Na quarta-feira (19),...

Paraná se mantém na liderança nacional da produção de mel, aponta boletim

O Paraná se manteve como o principal produtor nacional de mel, com 7.844 toneladas produzidas pela espécie Apis mellifera...

Governo amplia transparência com CMRI

  Para atender um dispositivo da Lei de Acesso à Informação do Estado de Goiás (Lei 18.025, de...

SSPDS deflagra 5ª edição da Operação Guarida visando inibir crimes em Caucaia

Três bairros do município de Caucaia, na Área Integrada de Segurança 11 (AIS 11), foram alvos, nessa quarta-feira (19),...
- Advertisement -

Abraciclo estima produção de 1,29 milhão de motocicletas neste ano

A produção de motocicletas deve atingir 1,29 milhão de unidades neste ano, volume 7,9% maior do que a produção...

Café da manhã em parreiral e uma noite na carroça? Veja opções de experiências memoráveis na RMC

Viajar, sair, ir. Verbos de conjugação tão aguardada durante a pandemia que deu água na boca. A espera foi...

Must read

Guimarães recebe ações do governo na comemoração dos seus 264 anos

Ações do Governo do Estado, realizadas pela Sedes, durante...

Paraná se mantém na liderança nacional da produção de mel, aponta boletim

O Paraná se manteve como o principal produtor nacional...
- Advertisement -

You might also likeRELATED
Recommended to you