Destaques Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho abre...

Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho abre exposição virtual de trabalho em litografia

-

- Advertisment -

Paulo Marcelo Freitas – Ascom EAOTPS – Texto

Participam artistas gravuristas iniciantes e também nomes conhecidos do campo das artes visuais. A litografia é uma técnica da indústria gráfica no século XVIII que utiliza pedra de calcário especial como suporte para desenho

A Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho (EAOTPS), equipamento da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) gerido pelo Instituto Dragão do Mar, abre nesta quinta-feira (19) a exposição virtual ATELIÊ DE LITOGRAFIA – PRIMEIRAS IMPRESSÕES. A mostra, que acontece em formato virtual no site da Escola, reúne 65 trabalhos de gravura produzidas com a técnica da litografia, processo gráfico inventado no século XVIII que consiste na impressão a partir de imagem desenhada sobre uma pedra de calcário especial.

Participam da exposição artistas iniciantes, estudantes que concluíram cursos de gravura da Escola e também nomes conhecidos na área da arte visual, como Sebastião de Paula, Roberto Galvão, Zé Tarcísio, Carlus Campos, Eduardo Eloy, Miriam Tolpolar e Hélio Soares (in memoriam), sendo estes três últimos artistas os homenageados pela exposição. Gerson Ipirajá é coordenador técnico da mostra. As obras foram impressas no Ateliê Livre da Gravura, espaço da EAOTPS dedicado a cursos, encontros e produção de obras para o desenvolvimento da arte da gravura. O Ateliê abriga a única prensa litográfica do Estado, um modelo fabricado na Alemanha há mais de 120 anos.

“O intuito da exposição é apresentar ao público um recorte da produção feita no Ateliê da Escola nos últimos anos e difundir uma técnica de gravura que ainda é pouco conhecida do grande público e que precisa ser preservada. Quando surgiu, a litografia foi usada pela indústria gráfica e hoje tem sido apropriada cada vez mais pela arte. Além disso, a mostra é um belo encontro de artistas renomados e iniciantes, possibilitando uma troca de olhares e experiências”, ressalta Marley Uchôa, coordenadora da Escola de Artes e Ofícios.

Para marcar o lançamento da exposição, será realizada uma live com Gerson Ipirajá, Eduardo Eloy e Miriam Tolpolar no dia 19/08, às 19h, com transmissão pelo instagram (@escolaarteseoficios.tps) e canal de youtube da Escola. A mediação será da Marley Uchôa.

Sobre os homenageados da exposição

EDUARDO ELOY –Teve formação na Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Centro Educacional Municipal Calouste Gulbenkian e Museu de Arte Moderna – MAN RJ nos anos 1976-1981. Hoje, em Fortaleza, produz um trabalho voltado para uma pesquisa elaborada a partir das artes gráficas, incorporada a outras linguagens visuais, hibridizando desenho, pintura, colagens, e materialidades diversas, vindas de seus arquivos e coletadas do cotidiano. Tempo, espaço e memória são, ainda, linhas de força implicadas ao pensamento do trabalho que encontra novas relações em atividades colaborativas e em projetos educativos, na formação de jovens artistas e intercâmbios com instituições culturais. Expõe com regularidade desde 1978 em individuais e coletivas nacionais e internacionais. Recebeu, em 1985 ,o Prêmio Especial Pietro Maria Bardi no 2º Salão Pirelli de Pintura – MASP em São Paulo e, em 1983, prêmio na categoria de técnica mista no Salão da Universidade de Fortaleza – UNIFOR Plástica. Eduardo Eloy foi o idealizador do Ateliê Livre da Gravura que funciona na sede da Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho.

HÉLIO SOARES (in memoriam) – Um dos mais importantes litógrafos brasileiros, tem seu trabalho reconhecido internacionalmente pelo Tamarind Institute (EUA) e pelo site Stones Lithography. Iniciou sua carreira na indústria gráfica trabalhando como mecânico de manutenção, e anos mais tarde fez cursos de litografia com João Câmara, executando o trabalho de impressor como parte do quadro técnico do atelier deste artista, para entrar posteriormente no corpo da Oficina Guianeses em Olinda (PE). Contribuiu para a montagem e criação de ateliês de litografia, como o do Largo do Ó em Tiradentes (MG) e o resultante do translado da Oficina Guianases, para dentro da Universidade Federal de Pernambuco – onde atualmente funciona como LOGG – Laboratório Oficina Guainases de Gravura. Atuou na formação de novos impressores de litografia e de artistas através de Cursos de Formação de Impressores de Litografia promovido pela Universidade Federal de Pernambuco, e ministrou aulas referentes ao atelier de litografia, desde a qualidade das pedras, sua composição, reações químicas dentro do processo de gravação e impressão, até a produção de materiais litográficos. Suas litografias e monotipias já participaram de inúmeras exposições dentro e fora do Brasil. Foi o primeiro professor no módulo de litografia do curso de gravura da Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho.

MIRIAM TOLPOLAR – Artista plástica e Professora de Litografia. Mestre em Poéticas Visuais (2003), Bacharel em Pintura (1985) e Licenciada em Educação Artística: Habilitação Artes Plásticas (1983) pelo Instituto de Artes da UFRGS. Dedica-se à gravura, em especial à litografia, objeto de suas pesquisas nos últimos anos. Sua obra está vinculada à memória, identidade e repetição e utiliza como referência lembranças, pequenos objetos e fotografias. Desde 1983 vem participando de Salões de Arte, exposições coletivas e Bienais de Gravura no Brasil e no exterior, tais como Argentina, Japão, Seoul, China e Egito e, ao longo de sua carreira tem recebido inúmeros prêmios. Em 1984, Miriam recebeu o 1o Prêmio Pintura no XIV Salão do Jovem Artista, promovido pela RBS, marco em sua carreira e desde então sua obra tem sido premiada em importantes salões como: Salão de Artes de Montenegro – 1° Prêmio Gravura , FUNDARTE (1986); 1° Mini Print International de Cadaqués-Purchased Prize ,Espanha (1991); I Salão FUNDARTE de Gravura ,1° Prêmio, Montenegro, RS(1993);VI Salão Latino-americano, Menção Especial do Júri, Museu de Arte de Santa Maria , RS (1995); 12° Salão de Artes Plásticas Câmara Municipal de Porto Alegre ,Prêmio Estímulo à Criatividade, Casa de Cultura Mário Quintana, POA, RS; 1° Salão SESC de Gravura, SESC Copacabana, Menção Honrosa, Rio de Janeiro (1996); II Salão de Artes Plásticas de Gravataí, 2º Prêmio, Centro de Eventos Intercity Hotel, Gravataí, RS (2003); 19º Salão UNAMA de Pequenos Formatos, Prêmio Especial “Graça Landeira, Belém,PA (2013). Foi professora no módulo de litografia do curso de gravura da Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho.

Serviço

EXPOSIÇÃO ATELIÊ DE LITOGRAFIA – PRIMEIRAS IMPRESSÕES
A partir do dia 19/08, no site da Escola de Artes e Ofícios Thomaz Pompeu Sobrinho – www.eao.org.br
Live de lançamento: dia 19/08, às 19h, no Instagram e Youtube da Escola de Artes e Ofícios
Informações: (85) 3238 1244 – de segunda a sexta-feira, no horário de 9h às 12h e de 13h30min às 16h.

Fonte: Governo do Estado do Ceará

Latest news

Histórias de profissionais de segurança que se formaram na Aesp e retornaram para sala de aula como professor

Em homenagem ao Dia do Professor, data celebrada neste 15 de outubro, vamos contar a história de alguns...

Horóscopo do dia: previsões para 17 de outubro de 2021

Marcelo Dalla A previsão do dia dá dicas de como aproveitar as oportunidades de acordo com...

Mais de 80% das mulheres já sofreram assédio nas ruas ou transporte público | SBT Brasil (16/10/21)

No Brasil, mais de 80% das mulheres relatam já ter sofrido importunação ou assédio sexual nas ruas ou...

Cristaloterapia: entenda como funciona a terapia com cristais

Larissa Silva Cristaloterapia: entenda como funciona a terapia com cristais Os cristais não são apenas itens de...
- Advertisement -

Ação social da Prefeitura leva cultura e lazer para crianças do Eustáquio Gomes

Cultura, lazer e diversão: na tarde deste sábado (16), o Campo do Açude, no Conjunto Eustáquio Gomes, recebeu a...

Policial Penal participa de 8ª aula inaugural do COD

  O policial penal Rogério Pereira Lima, que atua no Grupo de Operações Penitenciárias Especiais (Gope) participou da aula...

Must read

- Advertisement -

You might also likeRELATED
Recommended to you